Notícias do Mundo Jurídico

Juiz que serviu de babá afirma: “não fiz nada além da minha obrigação”

De acordo com o magistrado, é necessário que o fórum tenha servidores preparados e locais estruturados para receber pessoas que não estejam vinculadas aos processos.
Na última semana, o juiz de Direito Felipe Morais Barbosa, do TJ/GO, serviu de babá durante um Tribunal do Júri. O magistrado cuidou da neta de uma testemunha que não tinha com quem deixar a criança.

Ao Migalhas, o juiz afirmou que não fez nada além da sua obrigação – sua preocupação foi tirar a menina Isadora, de apenas 4 anos, do contexto pesado de um Tribunal do Júri, em que há pessoas armadas, algemadas e sendo interrogadas de forma incisiva. “Não queria que a Isadora presenciasse a avó dela sendo submetida a uma série de perguntas”, registrou.

O juiz chamou atenção para o fato de que casos como esse “não são extraordinários”. Apesar de salientar os avanços nas varas criminais e da infância e juventude, Felipe Morais explica que é necessário que o fórum tenha servidores capacitados e locais estruturados para abarcar pessoas desvinculadas de processos, “como a Isadora, que era somente acompanhante de uma testemunha”.

Fonte: www.migalhas.com.br

Exibir Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você está na versão offline