Notícias do Mundo Jurídico

Maioria das seccionais apoia paridade de gênero em eleições da OAB

Projeto “Paridade já” prevê percentual de 50% para candidatura de cada gênero.

A maioria das seccionais da OAB apoia a paridade de gênero a partir das próximas eleições da Ordem em 2021. A proposta do projeto “Paridade já” é para que as candidaturas para eleições das seccionais e do Conselho Federal tenham um percentual de 50% para candidatura de cada gênero.

Até o momento, 14 seccionais dos Estados de AM, BA, CE, DF, MS, MG, PA, PE, PI, RJ, RS, RO, RR e SC se manifestaram favoravelmente ao projeto de paridade de gênero, seja por votação nos conselhos seccionais, seja por manifestação expressa de seus presidentes.

A maioria se formou nesta quarta-feira, 25, com o voto da OAB/PI. Na ocasião, o presidente da seccional, Celso Barros Coelho Neto, reforçou que a equidade de gênero é uma bandeira que a entidade já levanta há bastante tempo. Isso porque, no Piauí, a classe feminina é maioria nas cadeiras ocupadas no Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, ocupando dois dos três assentos.

Apenas em dois Estados, no Piauí e em Sergipe, a classe feminina é maioria, ocupando duas das três cadeiras disponíveis.

Estados como Amapá, Ceará, Mato Grosso do Sul, Pará e Rio de Janeiro não têm nenhuma mulher entre os conselheiros.

Fonte: migalhas.uol.com.br

Exibir Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você está na versão offline